Por unanimidade, TRF-5 nega habeas corpus a secretário de Saúde do Recife

By Sanchilis Oliveira - 19:55

Investigações do caso dos respiradores sem aval da Anvisa continuam na Polícia Federal

Secretário de Saúde do Recife Jailson Correa. Foto: Andréa Rêgo Barros/ArquivoPCR

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região negou habeas corpus ao secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia, que pedia a transferência das investigações do caso da compra dos 500 respiradores testados em porcos para a Polícia Civil de Pernambuco.

No entanto, os desembargadores da Segunda Turma decidiram por unanimidade que o caso deve seguir na Polícia Federal.

A compra dos 500 respiradores sem aval da Anvisa foi feita à microempresária Juvanete Barreto Freire. A defesa de Jailson Correia entrou com o habeas corpus no dia 17 de junho. 

O relator do caso, desembargador Paulo Roberto de Oliveira Lima, negou.  A defesa recorreu, e hoje o colegiado novamente o pedido novamente. Os desembargadores votaram para que as investigações continuem a cargo da Polícia Federal.

A Prefeitura do Recife e o secretário Jailson Correia negam irregularidades. A gestão Geraldo Julio (PSB) ainda afirma que não houve prejuízo aos cofres públicos, o oposto do que apontam os investigadores da PF.

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Faça seu comentário aqui!