Vereador do Recife Samuel Salazar quer serviço odontológico incluído no rol de atividades essenciais

By Sanchilis Oliveira - 14:04

Foto: Divulgação


O vereador do Recife Samuel Salazar (MDB) solicitou à Prefeitura a liberação para atendimento nos consultórios odontológicos. O pedido, que veio por meio do ofício Nº 61/2020, busca que a atividade seja incluída como serviço essencial à população. Desta maneira, caso ofício seja considerado, os profissionais que vêm atendendo pacientes, seriam contemplados pela lei que garante uma pensão especial mensal às famílias de servidores que morrerem vítimas do novo coronavírus. 

Até o momento, estão cobertos pelo Projeto de Lei Complementar (PLC) nº 1045/2020 os servidores que mantiverem trabalho de forma presencial nas áreas de Segurança Pública e Saúde, Infraestrutura, Assistência Social, Sistema Prisional e Socioeducativo, Recursos Hídricos e Defesa do Consumidor. Para o vereador, seguir os protocolos de segurança deve ser a prioridade, como estratégia na contenção do avanço da pandemia da covid-19. “Os referidos consultórios devem seguir rigorosamente as medidas de biossegurança, normatizadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a fim de restringir os riscos de infecção para a população e os profissionais de saúde bucal. Ademais, já são adotados diversos protocolos com sólidas evidências científicas que permitem atender pacientes com várias patologias, como aids, hepatites e outras situações clínicas”, destacou Salazar. 

De acordo com o Conselho Regional Odontologia de Pernambuco (CRO-PE), a entidade tem construído nota técnica com a Secretaria Estadual de Saúde, Associação Brasileira de Odontologia - Pernambuco (ABO-PE) e Sindicato dos Odontologistas no Estado de Pernambuco (Soepe). O intuito é “estabelecer critérios técnicos para que o retorno das atividades eletivas seja feito de forma responsável e que apresente segurança tanto para os profissionais quanto para os pacientes e principalmente para a população”, divulgou o conselho.

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Faça seu comentário aqui!