Pronunciamento de Bolsonaro é irresponsável, politiqueiro, e apenas preocupado com sua sobrevivência política

By Sanchilis Oliveira - 09:40

O presidente negou a responsabilidade minimizou a gravidade da doença, demonstrando seu desprezo pela vidas humanas

Foto: Divulgação

Em pronunciamento em cadeia nacional de TV e Rádio, o presidente da república Jair Bolsonaro demonstrou seu desprezo pela vida dos brasileiros, minimizando o isolamento social, que mundialmente é defendido pelas autoridades sanitárias e os líderes de diversos países, como estratégia para diminuir o impacto da contaminação do novo coronavírus.

No próprio governo, o presidente destoa do seu ministro da saúde, Henrique Mandetta, que vem tratando o caso de forma serena e clara sobre a gravidade, enquanto o chefe do poder executivo trata como uma gripezinha e resfriadinho como disse na TV.

O Ataque a imprensa, as autoridades sanitárias, diminuindo a gravidade da doença, querendo o encerramento do isolamento social, tem apenas uma preocupação do presidente, sua sobrevivência política, já que é inegável que a economia será abalada e isso pode lhe render uma perda política eleitoral para as eleições de 2022. Bolsonaro não pensa na população, trata o estado brasileiro como sua moleta política para seus interesses. Puro egoísmo, egocentrismo, desprezo da vida, irresponsabilidade, e imaturidade.

Bolsonaro prefere a economia que a saúde do povo, seu mandato que a vida de milhões de pessoas. Sua maior preocupação tem sido apenas com a política, detratando governadores que estão na linha de frente no combate ao Covid-19, e tem feito o máximo para impedir que a curva de contaminação cresça. Medidas extremas estão endo tomadas para salvar vidas, não para derrubar o governo, mas o presidente insiste em criar inimigos imaginários, acuando sua própria equipe do ministério da saúde.

"Se a economia afundar o meu governo afunda junto", esta tem sido o grande pavor do presidente. Se Bolsonaro estiver correto como ele imagina, todo o resto do mundo está errado, a Organização Mundial da Saúde, os líderes dos países afetados, as autoridades sanitárias em todo mundo. O egocentrismo de Bolsonaro coloca em risco o povo brasileiro. 

Está na hora de o congresso nacional conter a insanidade do Presidente Jair Bolsonaro, nãos e salva a economia no meio de uma pandemia, grave, perigosa e arriscada. É hora de ouvir a saúde e seus especialistas, mostrando o seu despreparo.

O presidente precisa ser contido, parado, vidas humanas estão em risco por um projeto de poder.

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Faça seu comentário aqui!