Michele da Farmácia é um dos nomes cotados para a Câmara de Escada

By Sanchilis Oliveira - 14:10

A pré-candidata é cortejada a mais de um ano pela Rede Sustentabilidade para disputar um mandato

Pré-candidata a vereadora Michele da Farmácia. Foto: reprodução

Um dos nomes cogitados pela Rede Sustentabilidade em Escada para disputar uma das treze vagas no legislativo municipal, é o da empresária Michele Cabral, ativista cultural e das causa sociais, a pré-candidata reúne condições de entrar na disputa por um mandato, além de ter bandeiras fortes que defende durante sua vida, como a preservação do patrimônio cultural, além do fortalecimento do comércio da cidade para gerar mais emprego e renda, e uma de suas lutas resultou na permanência da Agência do Banco do Brasil em Escada. Além de sua forte ligação com a igreja católica no município.

Michele da Farmácia, que ainda não definiu seu destino partidário para as eleições de 2020, tem carta banca dentro da Rede Sustentabilidade, de acordo como diretório municipal, por ter o perfil do partido liderado no Brasil pela ex-ministra Marina Silva, que tem em seus quadros políticos os senadores, Randolfe Rodrigues do Amapá, Fabiano Contarato do Espírito Santo, e o senador Flávio Arns do Paraná, além da primeira índia eleita deputada federal, Joênia Wapichana.

A proposta da REDE em Escada é eleger no mínimo dois vereadores para compor a próxima legislatura que terá início em 2021, além de contar com nomes para uma eventual candidatura majoritária a prefeitura de Escada. O partido conta com outro nomes para disputa por vagas no legislativo municipal, como o de Budué, Marly Campelo, Irmão Luciano, Pedro Guilherme e Lito Alves, e trabalha na montagem de uma chapa  forte para o pleito de 2020.

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Faça seu comentário aqui!