Ribeirão protagonizará batalha história pela prefeitura em 2020, com Clóvis e Marcello na disputa

By Sanchilis Oliveira - 09:42

Foto: reprodução

Município a 87 km da capital pernambucana, Ribeirão, deverá protagonizar um embate histórico. A disputa pelo maior posto na política municipal, deverá contar com o prefeito Marcello Maranhão (PSB), e o deputado estadual Clovis Paiva (PP), na briga pela prefeitura.

Marcello que cumpre seu primeiro mandato no comando do executivo municipal, contou com o apoio de Clóvis nas eleições de 2012, quando perdeu o pleito para Romeu Jacobina, e em 2016 quando foi eleito prefeito de Ribeirão com mais de 17 mil votos, protagonizando a maior vitória eleitoral em quantidade de votos recebidos. Compondo a vice-prefeitura, Karol Paiva (PP), filha do deputado Clóvis Paiva, foi indicada para compor chapa com Maranhão nas últimas eleições municipais, concretizando uma aliança.

Rompidos desde segundo ano de mandato, Clóvis e Marcello, deverão se enfrentar no próximo ano. Na cidade não se fala em outro assunto, pois a possibilidade de Clóvis retorna a prefeitura da cidade, é ouvida e percebida nos quatro cantos da cidade. Clóvis conta com a alta popularidade no meio do eleitorado ribeirãoense, e alguns erros da gestão do prefeito Marcello contribuem para esse efeito.

Por outro lado, o fato de ter recebido mais de 38% dos votos válidos em 2018, na cidade de Ribeirão, não garante a Clóvis Paiva, seu retorno com facilidade ao comando da prefeitura pela terceira vez.

Marcello Maranhão, conta com o apoio da máquina, e também anda se articulando politicamente no fortalecimento de seu grupo político. A favor do prefeito, contam algumas ações do seu governo, como na área da infraestrutura, ação de governo que dar votos a qualquer gestor que investe nessa área, principalmente em ano pré-eleitoral.

Uma coisa é certa, a disputa pela prefeitura de Ribeirão, protagonizará um dos maiores embates político eleitoral da história do munícipio, aonde dois usineiros irão se enfrentar, pelo controle da máquina pública para os próximos quatro anos.

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Faça seu comentário aqui!