PPS critica Elias e ameaça negociar com as oposições em Jaboatão

By Sanchilis Oliveira - 02:43

Partido, que tem o atual vice-prefeito, reage ao tucano Elias Gomes, que ofereceu a vice na nova chapa ao PSB

JC online

elias e edirO flerte do PSDB com o PSB em Jaboatão dos Guararapes está abrindo uma crise com o PPS, aliado de primeira hora do prefeito Elias Gomes (PSDB). A Executiva estadual do PPS decidiu interromper os entendimentos em torno do apoio à candidatura à reeleição do tucano e, de quebra, ainda autorizou o partido a buscar entendimentos com legendas de oposição.

Em nota divulgada neste domingo (3), a direção do PPS considerou um “grande constrangimento” o anúncio de Elias Gomes de que “aceitaria” ter como vice-prefeito, na eleião deste ano, um nome indicado do PSB, preterindo assim o atual vice-prefeito, Edir Perez (PPS). A declaração foi dada pelo prefeito na semana passada. Em Jaboatão, o PSB tem como pré-candidato a prefeito o deputado estadual João Fernando Coutinho.

“É um desrespeito do prefeito Elias Gomes para com o PPS. Nos causa grande desconforto este tipo de comportamento de um aliado, após a boa reunião que tivemos. O atual vice-prefeito de Jaboatão dos Guararapes é do PPS e achamos um despropósito o prefeito vir a público oferecer essa vaga a quem quer que seja”, afirmou a presidente estadual do partido, Débora Albuquerque.

Débora explicou que em nenhum momento Elias conversou com o PPS sobre mudança do vice na sua chapa à reeleição. “Entendemos que por ocuparmos a vaga de vice, temos o direito natural de mantê-la em caso de reeleição do prefeito”, afirmou a presidente, admitindo que “em última instância, caso o prefeito venha realmente a precisar promover uma mudança, deve, por questão de educação e respeito, conversar primeiramente conosco”.

”Nossa prioridade é a aliança com o PSDB, mas as recentes declarações do prefeito sobre a questão da vaga de vice representam uma desconsideração ao nosso partido, levando, assim, os entendimentos à estaca zero e nos desobrigando de quaisquer compromissos assumidos anteriormente", complementou Marcílio Domingues, secretário-geral do PPS.

No entanto, Débora Albuquerque garantiu que a crise na relação entre os dois partidos em Jaboatão não interfere no acordo que o PPS fechou no Cabo de Santo Agostinho, para apoiar a candidatura do deputado estadual Betinho Gomes, do PSDB, filho de Elias Gomes.

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Faça seu comentário aqui!